Sustentabilidade, Espiritualidade e Física Quântica – parte 7

Por: Júlio Resende Duarte

Um bom samba é uma forma de oração

Um bom samba é uma forma de oração, cantou Vinícius de Morais. Um dos ensinamentos que a física quântica nos traz é que precisamos valorizar o conhecimento intuitivo que é tão ou mais poderoso do que qualquer outro. Os poetas, a exemplo de outros artistas, são intuitivos e compreendem o mundo antes da maioria das pessoas. É por isso que Capra sugere que os governos deveriam ter como assessores, além de economistas, engenheiros e advogados, poetas, líderes espirituais, entre outros.

Estudos com meditadores experientes mostram que eles conseguem baixar consideravelmente sua frequência cerebral. Em estado de vigília, padrão normal de um adulto, as ondas cerebrais operam em beta, ondas de alta frequência, acima de 13,5 Hz. Na meditação, essas ondas são substituídas por ondas alfa, de baixa frequência, entre 7,5 a 13,5 Hz. Segundo Amit, em Universo Autoconsciente, este estado meditativo implica em receptividade relaxada e passiva. Os veteranos na meditação não bloqueiam este padrão cerebral nem mesmo quando ocorrem estímulos súbitos. Talvez por isso sejam calmos e não se aflijam facilmente com problemas. Quanto menor esta frequência mais aberta e receptiva se encontra uma pessoa à consciência quântica, Deus se preferir.

É por este caminho que a física quântica começa a explicar a criatividade. Assim como um elétron salta de uma órbita e aparece em outra instantaneamente, o pensamento surge na nossa cabeça. A criatividade é uma subversão da realidade existente, é um salto para fora do ordinário, é uma transcendência. Dessa forma, todos nós temos potencial criativo se desenvolvermos espiritualidade e nos mantivermos abertos ao novo.

No entanto, a meditação não é a única forma de baixar a frequência cerebral. O simples ato de ficar a toa, em uma cadeira de balanço, observando o rio e o por do sol, é uma forma de diminuí-la. Rezar ou orar também. Dançar como fazem algumas etnias indígenas também pode ter o mesmo efeito. Sabe quem mais opera em alfa? Os artistas. Por isso, são tão criativos. Para compreender um pouco melhor esta ideia, vale a pena assistir algumas edições do programa Zoombido do Canal Brasil, de Paulinho Moska, que recebeu dezenas de músicos para falar sobre o processo criativo. Portanto, tocar e cantar samba a noite inteira são poderosos instrumentos de espiritualidade, assim como nos ensinou Vinícius. Aliás, vale lembrar um caso do Pixinguinha, que era pura gentileza, sabedoria e espiritualidade. Um dia, quando voltava para casa depois de uma noitada musical, ele foi parado por um jovem que lhe pediu a carteira. Ele sorriu e neste momento o jovem o reconheceu e disse: Seu Pixinguinha, é o senhor? Me desculpe. Ele sorriu novamente e disse: Vá pra casa garoto, vá tomar um café quente com sua mãe.

Este texto é uma homenagem aos meus amigos de boemia.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s